Maninha Safadinha

Click to this video!
Autor

Meu nome é Rafael tenho 31 anos, moreno claro, olhos e cabelos castanhos claros, 71 kg e 1,74 de altura com um pênis de 15cm . Moro em Criciúma no Sul de SC e o fato aconteceu no mês de Dezembro de 1999. Tenho 2 irmãs de extrema beleza, a Maiara é a mais velha e na época tinha 19 anos e a Camila com 15. Fomos passar o fim de ano na Cidade de Laguna que é uma praia muito famosa principalmente em festas de fim de ano e carnaval. Maiara é dona de um corpinho de boneca e muito gostosinha que entre 4 paredes é muito safada e Camila é uma morena clara com peitinhos daqueles que cabem certinho na boca, cabelos longos de cor preta e um par de pernas torneados. Bom vamos ao conto.
Papai tinha um apartamento na Cidade de Laguna e minhas irmãs me convidaram para passar o fim de ano com elas, assim que chegamos arrumamos nossos trapos rapidamente e colocamos roupa de banho para curtir uma praia. Durante o trajeto reparei que minha irmã mais nova me olhava de maneira diferente e sensual mais até ai tudo bem e levei na normalidade. Chegamos em casa e toda hora ela dava um jeito de me provocar com olhares, passadas de mão ´ sem querer ´ e usar roupas provocantes. Chegou a noite e decidimos ir para uma praça cheia de bares e grande aglomero de pessoas, chegamos por volta das 21:00 horas e começamos a beber, foi uma noite que fiquei mais de segurança cuidando das manas do que caçando mulher, mas Camila estava muito nervosa e querendo ir embora e foi ai que notei que o nervosismo dela aumentava quando eu investia em alguma mulher, decidi ir ao banheiro e pedi que Camila me acompanhasse pois não podia me desgrudar dela devido meu ciúme por se tratar de ser a caçula e a mais gostosa da família, fiquei na fila do banheiro por cerca de 10 minutos e decidi procurar um matinho que seria mais rápido para fazer um xixi, andamos por cerca de 5 minutos e achamos o tão procurado local para descarregar, minha irmã ficou esperando e quando estava terminando ela veio a meu encontro correndo pois estava com medo do local por ser ermo e escuro e deu uma olhada demorada para meu pau e deu um sorrisinho malicioso, dei-lhe um abraço e disse que jamais deixaria alguém colocar a mão ou fazer maldade e nisso se olhamos e acabamos nos beijando. Voltamos para onde Maiara estava e agimos como se nada tivesse acontecido e como estávamos próximos de casa decidimos ir embora caminhando e durante o percurso Maiara começou a sentir dores nos pés e começou a andar mais rápido nos deixando para trás.
Percebi que Camila estava triste e cheguei ao seu lado e acabei dando um abraço e fomos como dois namorados, durante o trajeto Maiara não olhava para trás e enquanto isso eu e Camila nos beijávamos e quando chegamos em casa fomos dormir e tudo ocorreu na normalidade. Voltamos para Criciúma na quarta-feira e no dia seguinte recebi uma proposta de trabalho em outra Cidade e acabei indo, fiquei sem ver a família por cerca de dois meses e quando chegou o mês de Fevereiro consegui liberação da empresa e fui para minha terra natal. Quando cheguei somente Camila estava em casa e disse que meus pais e Maiara foram visitar um parente doente em uma Cidade vizinha e iriam demorar, nisso dei um sorriso malicioso e ela veio para me beijar e eu não deixei e disse que não iria querer só beijar, ela de maneira safada disse que eu poderia fazer tudo que quisesse mas que deveria ensina-la pois era inexperiente em tudo relacionado a sexo. Camila esta usando um short curto enterrado na bundinha e um top sem sutiã, não resisti e a coloquei deitada no sofá e comecei a beijá-la e a acaricia-la, com isso o clima foi esquentando e levantei o top e comecei a mamar naqueles peitinhos deliciosos e a dedilhar sua bucetinha, ergui ela no colo e a levei para o quarto e coloquei-a na cama e comecei a chupá-la toda e cerca de 30 minutos de chupação ela chegou ao primeiro gozo de sua vida. Após ela se refazer tirei meu pau para fora das calças e dei para ela mamar, apesar de me jurar que nunca tinha mamado fiquei desconfiado tamanha habilidade de mamar num cacete, não estava mais conseguindo segurar e acabei gozando em sua boca e para minha surpresa ela tomou todo leitinho e deixou meu pau limpinho, após isso paramos pois meus pais estavam para chegar e durante o fim de semana tudo ocorreu de forma normal.
Na terça-feira meus pais foram resolver uns problemas na Capital do Estado e Maiara foi trabalhar, novamente fiquei sozinho com Camila que vestia um top e uma sainha curta, fui assistir um filme no meu quarto e me deparei com Camila deitada em minha cama e quando me viu deu uma risada safada e colocando o dedo na boca, me joguei em cima dela e comecei a beijar seu pescoço e chupar seus seios, mas fiquei surpreso quando coloquei a mão no meio de suas pernas e vi que ela estava sem calçinha. Aproveitei que ela estava toda molhada e dei-lhe um banho de língua, comecei a subir pelo seu corpo e comecei a beijá-la e aos poucos comecei a introduzir meu pau em sua bucetinha e senti seu cabeçinho se rompendo e ela gemendo só pedia para enfiar mais e mais, acabei saindo da empresa que estava trabalhando e retornei a morar na minha terra natal e todos os dias Camila dava um jeitinho de me dar a buçetinha ou uma mamada, hoje Camila é casada e tem um filho mas cada oportunidade que temos acabamos fazendo uma sacanagem.
Depois conto minha aventura com minha outra irmã.

Contato [email protected]