Ela meche comigo

Click to this video!

Salve galerinha
Vou contar aqui um histotia que ate hoje lembro e que da vontade de voltar ao tempo.
A uns ano atraz, na minha adolecencia reprovei a oitava serie por duas vezes consecutiva.
E acabei indopara o interior, mora com minha tia e vale resaltar que ela tem uma filha que tambem morava com ela
No intuito de me ajudar nunca vi maldade na minha prima, ja morava la a algum tempo e a redia era bem curta sem sair pra balada sem ter onde levar minhas namoradinhas, so ficava de beijinho com as menina na escola, em casa nao tinha privacidade nem pra bater uma.
Entao ia pra casa abandonada no fim da rua e atraz da casa tinha um galiheiro grande e que era bem escondido. E ia pra la me masturbar com minhas revistas era meu lugar, depois de algum tempo indo la um dia sim um dia nao, quando chego lah vou foleando as paginas da revista e começo a minha masturbação, derente assim do nada mesmo escuto um barulho e paro, guardo o pal e saio do galinheiro e a minha prima estava lah e falou -é aqui que vem todo dia se esconder? Eu respondi que sim e que queria ficar sozinho por isso ia pra la. Mas acho que ela nao entendeu muito bem e falou que queria fica cmg ali, eu ainda estava com o pal duro queria muito terminar a punheta mas ela nao ia embora, entao entrei pro galinheiro denovo e as revista estava no chao fui pegando e escondendo embaixo do baquinho, quando ela me falou pra que deicha-se ver, eu não vi maldade pois era revista de mulher e nao de sexo e ela vendo falou qua as da mulher tinha pelo e a dela nao. Nessa hora tomei maior susto tipo pq ela tava falando aquilo mas continou e logo em seguida ela perguntou por que as pagina estavam colada e eu respondi que do pipi saia um leite quente e depois virava cola, ela falo posso ver e eu claro com medo mas com o pal duro falei que nao por que a mar dela ia ficar brava, ela falo que era um segredo nosso então falei que queria ver se ela nao tinha nenhum pelo mesmo, que dai colocava o leite na mão dela, ela abaixou o shorts e mostro um ppk lizinha com a lingua bem pequena uma coisa que me tremedeira so de lembra a mais linda a ppk perfeira gordinha mds, entao tirei o o pal pra fora comecei a bater na frente dela e ela sentada na minha frente de perna aberta e eu batendo uma ate que veio e falei pra ela abrir a mao gozei na mao dela e ela começou a rir e falo que era quente e entao todo dia que ia pro meu galinheirp ela ia atraz.
Vou fazer assim esse é meu primeiro conto vamos ver qual vai ser a reação da galera se curtirem posto outra com descriçoes e a continuação e mais historias. Obrigado por ler deixe um comentario onde melhora os proximos .