Casada traiu a segunda vez com taxista

Click to this video!

Bom dia pessoal, estou de volta pra relatar a continuação do que me aconteceu em uma ida a Curitiba. Sugiro que quem não leu o conto anterior o faça, pra se inteirar do assunto.

Depois do ocorrido no ano passado, voltei uma vez para Curitiba mas não fiz contato com o taxista, ainda estava assimilando o ocorrido, as aulas cessaram, e voltei pra lá no começo de fevereiro, e então, resolvi fazer contato com ele, já que ele havia me deixado o cartão dele. Conversamos uns dias antes, e avisei que iria pra lá na quinta feira.

Durante a aula, a tarde mandei uma msg pra ele e combinamos o horário e o ponto que ele me pegaria, marcamos pras 19:30 no portão da faculdade. Dessa vez eu estava com uma calça jeans, e uma blusinha de alcinha.

Após a aula, fui pro banheiro, me passei um blush no rosto e troquei de calcinha, coloquei uma semi fio com borda rendada, rosa, enfim, me arrumei, e no horário fui esperar ele, que me avisou que viria com um carro particular, e não com o taxi.

Esperei poucos minutos, um carro foi parando perto de onde eu tava, abriu o vidro, e vi q era ele, sorrindo, destravou a porta e foi falando pra eu entrar, entrei no carro..um pouco tímida…demos um beijo no rosto, e ele saiu dirigindo..fomos conversando…..ele me elogiando, dizendo que eu tava bonita, que ficou pensando em mim, enfim, enchendo minha bola.

Quando parou em um sinal, ficou alisando meu cabelo, que dessa vez tava solto….eu logo fui virando o rosto pra ele…ele entendeu, e nos beijamos ali mesmo, um beijo de língua…quente…com pegada…..ele parou, me olhando

pegou na minha coxa

R (Roberto) – continua forte hein!!!

Eu ri e respondi

F (Fernanda) – e vc continua safado

R – hahahahaahhaha, e vc gosta hahaha

Acabei ficando sem jeito, mas seguimos e fomos conversando, ele alisando minha coxa….e depois levando ela pro meio de minhas pernas

R – gostava mais quando vc tava com aquela calça mais fácil pra mexer aqui!!!

Eu apenas ri, e pedi se ele ia me levar pro galpão novamente, ele riu, e disse que hj não, q ia me levar pro motel, mas antes, me fez abrir a calça ainda no carro…e ficou passando a mao….dirigindo, e com a mao por dentro da calça

R – ta ficando molhada já nanda…..delicia

Eu ainda envergonhada…sentindo ele me bulinar, ele enfiou os dedos dentro da calcinha…enquanto dirigia, não demorou pra forçar um e entrar na minha bucetinha, enfiava o dedo me deixando ainda mais molhada…enquanto foi saindo da avenida….entrando em umas ruas estreitas, até dar na entrada de um motel, na portaria pediu um quarto…e fomos entrando….!!!

O taxista viu q eu tava sem jeito enquanto estacionava na garagem do quarto

R – que foi? Não tá acostumada com motel?

F – hehe….pra falar a verdade não!

R – marido não te leva?

F – não, só em casa

Ele riu….foi abrindo a porta

R – então hj tu vem comigo….

Eu fui saindo do carro, esperando ele pra subir….o quarto era emcima da garagem, mas antes de subir ele me agarrou, e voltamos a nos beijar, em pé, ao lado do carro….as mãos dele logo foram pra minha bunda, enquanto nos beijávamos!!!

Ele me soltou…e foi me virando….me abraçando, beijando meu pescoço…e me fazendo subir a escada, assim que chegamos no quarto, ele acendeu a luz…e foi largando as chaves emcima de uma cômoda

R – quer tomar alguma coisa?

F – oq tem aí?

R – tem oq quiser?

F – acho q vou tomar uma cerveja, se vc tomar

Ele pegou no frigobar duas longnecks…abriu elas, me deu uma e ficou com a outra, fomos bebendo…sentamos na beirada da cama, logo estávamos nos beijando denovo

Ele foi colocando a mao dentro da minha calça denovo, esfregando a calcinha ainda umidecida e quente, me beijou…com a mao ali….paramos o beijo…ele deu mais um gole na cerveja, eu tbm, enquanto ele continuava com a mao no meio de minhas pernas.

Ele tirou a mao e levou pro nariz

R – cheirinho gostoso

F – hahaha, deve estar mesmo, o dia todo sem banho denovo

R – cheiro de buceta que quer dar nanda, esse cheiro é delicioso

Ele levantou, eu sentada na beirada da cama e com a garrafa na mao, foi abrindo a calça dele….colocando o pau pra fora, estava mole, mas ainda assim era bem grosso, como eu lembrava hehehehe

Ele foi colocando a mao atrás da minha cabeça, puxando de encontro ao corpo dele…

R – eu tomei um banho…cheira meu pau…cheira como tá gostoso

Eu fui aproximando, cheirei, rindo, segurei nele…e fui puxando a pele pra tras…exibindo a cabeça, fiquei olhando, e fui colocando a boca, engolindo quase todo

Ele alisando meu cabelo….

R – hum…isso nanda….tava com saudades dele tava?

Eu concordei com a cabeça

R – então chupa…chupa bem gostoso

E eu fui chupando ele….segurando com uma mao, enquanto a outra ainda segurava a cerveja, o pau dele foi endurecendo, eu sentindo ele crescer na minha boca, continuei chupando….ele largou a cerveja dele, segurando na minha cabeça…e começou a fazer movimentos, como se fodesse minha boca

R – delicia…ahh, chupa gostoso!!!

E eu ali babando…com ele todo duro já, o tarado segurou atrás da minha cabeça..puxando ela contra o corpo e fazendo eu engolir ainda mais do pau dele, arregalei os olhos…pois era grosso, e eu não era acostumada

R – não para….vai mais…..vem….quero ver ele todo na tua boca nanda….abre mais abre!!!

Comecei lacrimejar…mas ele não soltou, esperou mais uns segundos…e aí me largou….eu sai ofegante, quase sem respirar!

Respirei fundo, recuperando o folego, ele rindo, enquanto eu me recuperava ele foi tirando a calça e a camiseta, jogando elas no chão mesmo, tomei um gole da cerveja….ainda me recuperando…ele em pé na minha frente, voltou a segurar em minha cabçea..me puxando de encontro ao corpo dele, fui abrindo a boca….ele me puxando, segurando e me puxando mais contra o corpo dele

R – agora tu vai engolir tudo…eu sei que cabe na tua boca!!!

Senti meu nariz tocando no corpo dele….mal conseguia me mexer..ele me soltou

R – ahhhhh, falei que cabia tudo!!!

Enquanto eu me recuperava ele foi me deitando na cama…com as pernas pra fora e foi puxando minha calça, com a calcinha junto…me deixando só de blusinha

R – hum, depilou a bucetinha pra mim nanda???

Eu sorri, e concordei com a cabeça, ainda me recuperando o folego, ele foi me puxando mais pra beirada da cama, abrindo minhas pernas, enquanto se ajoelhava na minha frente…beijando minhas coxas, e subindo!!!

Logo ele chegou no meio das pernas, e caiu de boca na minha bucetinha depilada, lambendo, beijando, se laabuzando

Ele lambia ela rápido, com a língua passeando, enquanto ele lmbia eu tirei minha blusinha, ficando completamente nua na cama, e ele passando a língua no meu ventre….segurando minhas pernas abertas!!!

Ele cuspia….me deixando ainda mais molhada, enquanto só passava a língua, sem nem sequer enfiar os dedos, ele com uma mao em cada coxa minha, bem perto da virilha, com os dois dedões (polegares) ressionando minha bucetinha, e no meio a língua dele indo e vindo!!!

Ele apertando assim com as mãos, meu clitóris ficava saltado pra cima, facilitando pra ele passar a língua rápido, comecei a ficar ofegante…segurando no cabelo dele, enquanto ele passava a língua rápido, ele passava a língua mais forte….desde a entrada de minha buceta até o começo do clitóris, agarrei forte nos cabelos dele…gozando….e ele sem parar de me lamber…eu delirando, gemendo!!!

Assim que parei de tremer, ele levantou, foi se ajeitando no meio de minhas pernas, pincelando o pau duro no meu clitóris….falei q estava sensível, ele nem ligou, e ficou pincelando, até qie encaixou e foi empurrando pra dentro

R – tesão…tá ensopada delicia…

Ele enfiou…..e deitou o corpo dele sobre o meu, me beijando os seios, enquanto com o quadril enfiava e tirava em minha bucetinha, logo ele começou a aumentar o ritmo…bombando em mim, enquanto segurava em meus seios, enquanto bombava, levantou o corpo…ficando em pé…me puxando mais ainda pra beirada da cama, de pernas abertas, com o pau dele ainda dentro e continuou bombando…alguns minutos….indo e vindo!!

Pegou uma de minhas pernas…erguendo elas….fazendo eu ficar de ladinho na beirada da cama, e continuou bombando…e aos poucos me virando de costas!!!

Sem tirar de dentro, foi me puxando…eu ficando com as pernas pra fora da cama, quase em pé, ele bombava, minha bunda balançando com as estocadas dele, e ele deu um tapão dela….

R – delicia essa bunda

E continuou enfiando, e eu apoiada na cama, ele segurando na minha cintura…bombando, forte…fazendo barulho, tipo um Plof plof plof heheheh, enquanto ele gemia

R – caralho….quero gozar na tua boca nanda

F – aham

R – posso?

F – aham

Ele foi tirando de dentro

R – delicia, então baixa aqui..vem!!!

Fui me virando…ficando ajoelhada, encostada na cama, e ele em pé gemendo

R – abre a boca…abre

E eu abri…fechando os olhos…um puco de nojo (era apenas a segunda vez na vida que fazia isso), fiquei esperando, até que ele começou gozar, largando jatos no nariz, boca, bochecha, ele melou tudo…até nos seios

Ele mesmo antes de terminar direcionou o pau pra minha boca..fazendo eu chupar ele melado, enquanto ele amolecia em minha boca.

Ele tirou o pau da minha boca

R – tesão nanda….pra quem nao gostava de porra na boca você tomou um belo banho safada

Eu só rindo….me limpando o rosto, e ele foi sentando na cama…

R – vai la, se limpa, depois volta aqui e continua me chupando

Fui pro banheiro, me limpei o rosto como deu, tirando o excesso do esperma dele, Voltei, ele tava terminando de tomar a cerveja, sentado na beirada da cama, pernas abertas, já fui ficando na frente dele denovo, ele de perna aberta, eu ajoelhada, fui aproximando, e já colocando na boca o pau meia bomba dele, comecei chupar novamente, ele foi ficando grosso aos poucos, e logo tava duro denovo, e eu ajoelhada chupando ele!!!

Fiquei segurando ele embaixo…..e comecei passar a língua nele, do começo ao fim, até chegar no topo, e voltar a engolir ele, ele já 100% duro, foi me puxando pra cima da cama, fazendo eu subir e ficando no colo dele, encaixou o pau na minha entrada, e foi deslizando ele pra dentro denovo

Comecei rebolando nele….esfregando, sentindo ele em mim….enquanto ele segurava na minhas nadegas, alisando elas, depois ele me segurou pela cintura…..e começou a subir e descer o quadril, bombando em mim!!!

Ele puxou meu corpo pra baixo….fazendo eu encostar nele, enquanto ele esticava a cabeça…sugando meus seios, e aí se agarrou em mim, me virando, fazendo eu deitar na cama, e ele ajoelhado na minha frente, enquanto continuava enfiando

Após um tempo, ele parou de enfiar…se abaixou, e voltou a lamber minha bucetinha, passando a língua, deixando ela ainda mais molhada, enfiou um dedo nela, toda melada, mas logo tirou e pressionou ele em meu cuzinho, só soltei um gemidinho, ele voltou a enfiar o dedo na bucetinha, já estava completamente excitada denovo

Ele enfiava um pouco o dedo na bucetinha, lambuzava ele e tirava, e voltava a pressionar no cuzinho…entrando cada vez mais, tirava o dedo, enfiava na frente e depois atrás….e ficava revezando assim

Continuou fazendo isso…enquanto me lambia, começou a lamber mais rápido, e enfiar os dedos mais rapido, logo, estava com um dedo em cada buraco, enquanto que com a língua ele passava rápido no meu clitóris…comecei a tremer denovo, agarrei nos lençóis da cama….e comcei a gozar denovo…ele sem parar de me lamber, e eu indo ao delírio

Ele parou de chupar…mas não tirava os dedos..um em cada buraco

R – isso…goza..goza safada

Aos poucos tirou os dedos, e se ergueu, eu ainda ali deitada….ele segurou no pau…e foi enfiando na minha buceta…..ela melada..ele entrou fácil!!!

Bombou um pouco e logo tirou da buceta, e foi pressionando no cuzinho, empurrando, como tinha enfiado o dedo antes…foi entrando aos poucos, até q enfiou tudo…e começou bombar

No começo enfiava devagar e depois aumentando, eu sentindo um misto de dor e excitação e ele aumentando o ritmo, enquanto o pau dele entrava e saia…..me abrindo!!!

R – tá todinho dentro nanda….delicia…..apertadinho

Ele começou aumentando o ritmo…bombando, eu inevitavelmente levei minha mao pro meu clitóris, me alisando, e ele já bombava forte….como se fosse na buceta!!!!

R – tesão….vou gozar denovo nanda

F – aham

R – onde posso?

F – onde quiser

Ele tirou do cuzinho, e enfiou na buceta

R – safada…então toma caralho….delicia

Falou, metendo forte….com estocadas firmes e fortes e rápidas bombadas, e logo começou a jorrar, me fazendo sentir ele melando minha buceta denovo.

Ele recuperando a respiração, tirou o pau de dentro…mas não amolecia, me puxou denovo pra beirada da cama….fez eu ficar sentada

R – gostosa..chupa meu pau denovo, deixa ele limpo vai

E eu fui, passando a língua..lambendo…chupando, ele segurando em meu cabelo…..

R – caralho nanda…..tava com saudades desse pau tava

F – aham

Ele puxou meu cabelo pra tras, fazendo eu tirar a boca do pau dele, com a outra mao me deu um tapa no rosto

R – vadia, quer mais ele quer?

Só balancei a cabeça fazendo que sim

F – aham

Ele deu outro tapa

R – caralho, então toma ele

E foi enfiando denovo na minha boca, eu de joelhos, e ele sentado na cama, o pau dele foi ficando duro denovo….cresceu na minha boca..ele segurando minha cabeça…fazendo eu engolir quase todo, ele foi me soltando….me segurando no queixo….

R – senta aqui nanda, rebola no meu pau

Eu me levantei, ele continuou sentado na beirada da cama, e eu, em pé mesmo, fui sentando no colo dele, ele ajeitou o pau…eu fui descendo, minha bucetinha engolindo ele todo

Ele deu um tapão na minha bunda…..

R – isso…rebolada sua puta…delicia

E eu rebolando no colo dele, ele deu outro tapa, ainda mais forte

R – rebola cadela…..fala que ta gostando de ser minha puta fala

F – to….to adorando, me fode

R – aé sua puta….quer q te foda…quer?

F – aham, quero

Ele disse isso e foi levantando….me fazendo levantar tbm, saindo do pau dele, e foi me empurrando

R – sua vadia, quer ser fodida, agora vc vai ser…..vai pro banheiro, anda

E eu fui caminhando na frente dele, ele atrás…quando chegamos, me segurou e fez eu encostar no espelho, com as mãos na parede, de costas pra ele

R – olha bem pra essa cara vadia, olha tua cara de feliz tomando rola sua puta…

Ele falou, empurrando meu rosto no espelho, e em pé mesmo, atrás de mim, foi enfiando em minha bcetinha, eu morri de vergonha, ele enfiava e eu olhando, minha cara era de prazer hehehehe

Ele em pé bombando….me xingando, e dando tapa na minha bunda, tirou o pau da bucetnha, pelo espelho vi ele com cara de tarado, cuspiu na mao, e passou no pau….abrindo minha nadega com uma mao, a outra segurando o pau, foi com ele pra entrada de meu cuzinho….pressionando

F – não…calma…devagar

R – devagar o caralho

Ele pegou minha mao, fez eu puxar uma nadega pro lado

R – segura…abre bem sua puta

enquanto eu abria ele foi pressionando denovo….entrando

R – aaaaa…toma no cu vadia

Eu com uma cara de dor e excitação…sendo rasgada denovo, quando entrou metade…ele segurou em minha cintura e enfiou de uma vez….soltei um grito

F – aiiiii

Ele me agarrou na cintura…sem me deixar sair

R – cala boca vadia….

Com a outra mao empurrou denovo minha cara no espelho

R – geme no meu pau…e olha tua cara de putinha olha

Eu gemendo, com um pouco de dor, e ele começou bombar denovo…indo e vindo dentro do meu cuzinho

Fez eu abrir bem as nadegas, com as duas mãos….o corpo escorado no espelho….

R – abre…abre esse rabo

Eu abrindo…ele tirou o pau de dentro, cuspiu denovo, e enfiou tudo em uma estocada, voltei a gritar

F – aiiiiii

R – cala boca sua vaca

R – abre essa bunda pra mim

Eu indo ao delirio, excitada, me sentindo muito sacana, excitada ao extremo, voltei a abrir minhas nadegas…e ele fez denovo

R – caralho…toma sua puta

E gemia

Ele me agarrou na cintura e voltou a bombar…rápido e forte, dando palmadas na minha bunda

R – aaaa…toma nesse cu gostoso

Eu me tocando no clitóris com os dedos…..acabei gozando, em pé….tremendo as pernas, não consegui disfarçar minha cara de prazer, e ele rindo, enfiava ainda mais forte

R – ahahaha, sua puta….tá gozando com meu pau no rabo vadia

E estocou ainda mais forte, metendo, rapido, gemendo, até que tirou o pau derrepente

R – abaixa vadia…ajoelha, quero gozar no teu rosto denovo

Quando me abaixei ele ele tava segurando o pau….eu olhando, antes mesmo dele gozar, no impulso, nem esperei, enfiei a boca nele..ele tirando a mao do pau, soltando ele na minha boca, eu senti o jato dentro da boca….ele me agarou por tras da cabeça……segurando o pau dentro da minha boca

R – aaaaa….toma sua vaca…toma porra sua puta

E continuou gozando, mais 3 ou 4 jatos, todos dentro da minha boca

Ele tirou o pau….eu respirei, olhando pra ele e engoli, ele me olhando, pau ainda duro e deu outro tapa na minha cara, talvez o mais forte de todos

R – chupa meu pau…limpa ele sua puta

E voltei a colocar a boca, passei a língua, lambendo, deixando ele limpo

Estávamos completamente suados

R – caralho nanda…..q foda tesuda

Eu rindo…me recompondo, completamente exausta, ele foi saindo do banheiro, e disse q se eu quisesse podia tomar um banho, e assim eu fiz…pra limpar um pouco o suor e cheiro de sexo.

Quando sai, fui me vestir, e ele segurando minha calcinha rendada disse que ia segurar ela como recordação, e eu voltei a vestir a usada do dia todo. Saímos do motel, e ele me levou pra rodoviária.

Ao contrário da primeira vez, nessa viagem de volta dormi praticamente o trajeto todo, e confesso, que me sinto menos culpada e arrependida que no ano passado. Espero que tenham gostado. Quando eu voltar novamente pra Curitiba, e encontrar com ele, volto aqui pra contar como foi! Bjos