Um final de Tarde Maravilhoso consegui realizar minha fantasia

Click to this video!

Ola amigos admiradores dos contos eróticos, vou compartilhar com vocês a minha historia, consegui inesperadamente realizar minha fantasia .
Sou uma pessoa madura, casado, minha mulher também madura, bonita, loira, umas pernas grossas, bonitas, uma bunda linda saliente carnuda, muito gostosa, e aceita sexo de todas as formas, anal, vaginal, oral, já somos casados a 30 anos, com filhos já crescidos, já algum tempo venho alimentando a ideia de ver ela dando para outro homem na minha frente, já comentei com ela varias vezes, mais ela não acredita, ela acha que é somente fantasia, também nunca pintou nenhuma oportunidade, entre pessoas conhecidas eu tenho medo, depois pode comentar com alguém, mais continuava tentando;

Agora depois da passagem de ano resolvemos passar uma semana na Cidade do Litoral Peruíbe, aluguel um casa pequena mais bem confortável, também só para nos dois, chegamos na Sexta Feira de manha, curtimos a praia, um sol de arrasar, ela se bronzeou legal ficou a marquinha do biquine, no Sábado por volta de umas 16 horas resolvemos dar umas voltas e sentamos num Bar para beber umas cervejinhas, defronte aonde nos estávamos havia uma Oficina de Refrigeração, eu estava comentando como minha mulher sobre uma lampada da geladeira que eu havia quebrado, nisso sai um cara de meia idade deveria ter uns 45 anos forte, mulato, bonitão, saiu da Oficina minha esposa exclamou nossa que cara bonito, ele atravessou a rua e entrou no bar, pediu uma garrafa de água e algumas latinhas de cervejas, eu aproveitei e perguntei a ele sobre a lampada, se ele tinha para vender, minha mulher estava de biquine somente com uma saída de praia, sentada com a saída de praia aberta dava para ver bem as pernas dela e o volume da xoxota, ele respondeu tenho sim, ele riu e falo vai ate lá, eu perguntei quer horas você fecha, ele disse 18 horas, como já era uma 17;15 eu disse esta bem vamos terminar esta cerveja e vamos lá.

Terminamos a cerveja e fomos chegamos lá ele estava sozinho, era o proprietário da Oficina, conversamos ele perguntou a Voltagem da Lampada eu não soube responder, ele ficou explicando, eu notei que ele olhava para minha mulher comia ela com os olhos, e notei que ele também ficou impressionada com o cara, a ponte de deixar a saída de praia aberta se mostrando, ele então perguntou vocês querem uma cervejinha, ela mais que depressa disse eu aceito, ele foi ate um comodo atrás da oficina buscar a cerveja, eu então perguntei você mora aqui mesmo, ele disse não eu sou casado mais tenho um puxadinho aqui atrás, eu dei uma risadinha e disse um abatedouro, ele respondeu mais ou menos isso, como já estava passando das 18 horas, ele perguntou vocês se incomodam se eu fechar a oficina, eu disse olha se tivermos atrapalhando nos vamos embora, ele disse não que nada esta bom o nosso papo, e fechou ficamos só nos três trancado, minha mulher não reclamou, eu vou tomar um banho rapidinho, ficamos aguardado, aproveitei e perguntei para minha mulher quer ir embora, ela disse claro que não, eu disse sabe o que pode acontecer, ela respondeu não é o que você sempre vem falando hoje eu quero, hoje vou te fazer corno de varias formas, eu disse tudo bem fica a vontade, nisso apareceu o Valmir abriu mais uma cerveja ficou só de shorts sem camisa, estava muito calor, ele então disse aqui esta muito quente você querem ir ate o puxadinho lá tem ar condicionado, fomos um local muito aconchegante, uma cama uma poltrona a geladeira e um móvel, quando entramos ele foi e tirou a saída de praia dela, eu pedi para ir ao banheiro, fiquei observando nossa ele tirou o short e deu uma rola enorme para ela chupar 23 x 9 cm, nossa ela começou a chupar com vontade, quando eu apareci ela disse amor olha só o tamanho disso, nossa o meu pau e pequeno 15 cm grossinho cabeçudo, ele pegou ela deitou ela na cama e deixou ela peladinha beijava ela chupando-lhe a linguá, ela se entregou totalmente a ele, ele chupou a boceta dela, ela gozou umas duas vezes, chamou ele vem aqui vem, mete esta rola aqui dentro, devagar seu pau e muito grosso, ele é muito carinhoso, foi colocando devagarinho ate entrar todinha lá dentro, só não dava para ele bombar forte mais fodeu muito ela, ate gozar, o tesão era tanto que nem pensamos na camisinha, ele gozou lá dentro quando ele tirou a rola de dentro eu cai de boca chupei a boceta dela esporrada e a caçeta dele também, voltamos a beber mais um pouco ai ele quis meter no cuzinho dela, ela recusou mais depois ela ficou de ladinho, ele disse vai colocando você, eles ficaram de conchinha quando eu percebi ela estava com a caçeta todinha lá dentro, se virou de bruço com a bunda para cima ele ficou fodendo o cuzinho dela, nossa tirava tudo e colocava de novo, ela chorou de dor e prazer, foi maravilhoso ele gozou no cu dela também, como não podia ficar mais tempo por ser casado, acabamos indo embora, ela adorou a noite ainda transamos ela me chamando de corno nossa que delicia.

Acabamos transando com ela mais duas vezes ele foi ate o local onde estávamos, e fodeu muito com ela, nossa uma delicia, chupei a rola dele ele gozou na minha boca foi um final de semana maravilhoso, nem eu mesmo esperava tanto assim, agora temos um amigo para meter com ela.

Espero que tenham gostado.