Meu Amante, canino

Click to this video!

Olá, meu nome é Vera tenho 35 anos 1,62m mulata, cabelos longos sou casada mãe de um menino de 13,meu marido é caminhoneiro moro em Vitoria ES.
Bom o fato ocorreu em 2013, quando ganhei um cão da raça Mastim Napolitano esse cacharão era da minha irmã mas ela foi morar em apartamento em são Paulo, e deu para meu filho no inicio não concordei mas tanto meu filho insistiu que deixei ficar.
o cachorro era grande gordo parecia um bezerro, babava muito dava medo, quando saia para passear com ele as pessoas desciam do passeio mas ele era manso e brincalhão, meu marido vivia viajando eu so não ficava sozinha porque trabalhava e á noite meu filho fazia companhia.
Certo dia no mês de junho meu filho entrou de férias e foi para são Paulo pra casa da minha irmã meu marido como sempre viajando e eu fiquei naquela casa sozinha, aproveitei e fui á praia com minhas Amigas, pegar um bronze, nem sei pra que meu marido nem reparava, na praia minha amiga falou que os homens não paravam de me olhar, eu usava um biquíni branco e quando entrava na agua ele ficava transparente vendo minha bucetinha e mina bunda que era empinada devido a minha altura (baixinha) eu fiquei envergonhada e minha, Amiga me disse homens são todos iguais se você da pra eles, no dia seguinte todo mundo fica sabendo, ai ela contou uma historia que tinha uma Amiga que transava com seu cachorro, era viúva e quase ninguém sabia pois cachorro não sabe falar, ai caímos na gargalhada.eu fiquei interessada no assunto ela me disse que havia um site na intermete que se tratava de ZOOFILIA sexo com Animais, quando cheguei em casa fui logo saber do tal assunto, abri e fiquei vidrada mulheres lindas corpo bonito trepando com cachorros cavalos nunca imaginava haver tal coisa, quando percebi estava completamente molhadinha, nossa aquilo mexeu comigo, também havia contos de fatos reais, não aguentei fui ate a cozinha peguei uma cenoura e me masturbei, estava louca de tesão, minha buceta latejava de vontade de uma Rola dura, gozei e fui tomar banho, No dia seguinte fui dar comida e prender o TOD no canil, estava calor resolvi tomar uma banho de ducha e ler um livro, TOD chorava muito devido ao calor pois adorava agua, soltei e joguei agua nele que logo acalmou, ficou deitado na varanda onde eu lia um livro já era quase 15:00quando resolvi entrar e fazer algo pra comer sem perceber Tod entrou eu estava usando uma camiseta sem sutiã e sem calcinha ficava à-vontade dentro de casa e também pelo calor que fazia no so estante enfiou aquele cabeção debaixo da minha blusa e deu uma lambida na minha bunda, eu dei um pulo de susto e chinelei ele, não adiantou ele pulou em mim brincando eu cai sentada, expondo toda minha bucetinha ele aproveitou e sentiu o cheirinho da minha buceta e deu uma lambida nela senti uma sensação gostosa, e deixei que continuasse lembrei daqueles vídeos e historias, puxei minha camiseta para cima e deixei que ele lambesse minha buceta, nossa que delicia uma língua áspera, eu não aguentei e gozei nunca tinha gozado com alguém me chupando ele continuou, lacei a cabeça dele com minhas pernas mas ele continuou lambendo ate que gozei de novo, Tod começou um vai e vem no ar querendo meter, deu pra ver o tamanho do pau dele era enorme maior do que do meu marido ele era grosso e no final tinha duas bolas parecendo bolas de tênis fiquei louca de tesão, fui para o meu quarto e chamei Tod que veio logo atrás tentando subir em mim ele era muito pesado e grande peguei duas almofadas ajoelhei nelas para dar altura empinei a bunda e deixei Tod me comer nossa sua pistola passava varias vezes na minha bunda eu fechava os olhos e delirava cada vez que ele tentava me penetrar foi quando eu dei uma empinada a mais e zasss entrou aquele torpedo dentro de mim parecia que eu estava colocando um pepino na minha buceta que enorme eu fiquei apavorada mas era tarde ele já havia colocado a metade dentro e no vai e vem foi entrando o resto me senti uma cadela, ai que gostoso aquela pica enorme dentro da minha bucetinha não aguentei e comecei a rebolar naquela pistolona, eu gozei muito gostoso mas tod não havia gozado e enfiou mais pra dentro, senti que iria me penetrar com aquelas bolas tentei sair segurar mas não conseguia ele era grande e me prensou na cama as almofadas siram debaixo do meu joelho fiquei pendurada na pistolona do Tod, foi ai que ele enfiou tudo, dei um berro de dor achei que aquele cachorro ia me rasgar ao meio fiquei louca pois estava pendurada so me apoiava com as mãos no chão estava nas pontas dos dedos tentando sair daquela posição foi quando ele iniciou um vaie vem, nossa sentia que ia morrer de tanta dor ai vi que não tinha jeito rela chei e deixei que ele acalmasse, forcei mais um pouco e consegui apoiar de novo na cama, como minha buceta era pequena, ela começou a abrir e fechar, Tod ficou louco de tesão e iniciou tudo de novo nossa ele me balançava na pistola eu não aguentei e gozei loucamente dando gritos e gemendo como uma puta chorei, gemi, delirei com aquela pistola travada na minha bucetinha, que naquele momento era uma Bucetona, foi quando ele gozou deu pra sentir jatos de porra dentro do meu útero nossa parecia uma mangueira de jardim,foi ai que ele acalmou e ficou quietinho senti que suas bolas estavam diminuindo e eu estava sendo abaixada com se estivesse pendurada em uma guindaste ate que alguns minutos eu cai e desprendi daquela pistola, vrei de barriga pra cima e notei o tamanho nossa era enorme aquelas veias vermelhas ela subia e descia e batia na barriga dele eu não acreditei que aguentei aquele monstro eu estava arrombada sentindo aquele rio de porra saindo da minha buceta, não aguentei e cai de boca naquela pistola era quente e pulsava na minha boca chupei e senti jatinhos de porra na minha boca, enfiei minha mão na minha buceta e comecei a esfregar meu grelinho que neste momento ardia gozei chupando Tod, minhas pernas estavam tão bambas que não aguentei levantar dormi ali no chão com Tod,.
Logo de manhã, fui ver o estrago na minha buceta ela estava toda vermelha e larga estava toda fedendo de porra de cachorro vesti minha camiseta coloquei lorde no canil que logo deitou de cansaço acho que nunca ele tinha comido uma cadelinha tão gostosinha.
Agora sempre que meu marido viaja e meu filho vai pra casa dos Amigos eu trepo gostoso com Lord, estou amaciando minha Amiga pra ele comer ela também.
pois agora arrumei um Amante Canino.