Quando fui abusada do coleguinha do papai

Click to this video!

Sempre fui uma adolesecente bem comum. Corpo normal, nada demais, seios pequenos mas com pele morena, coxas e bumbum mais avantajados (isso sim deixava os coroas babando).
Sempre frequentava algumas festinhas do trabalho dos meu pai. Todos sempre me olhavam como lobos, alguns diziam que eu já estava Grandinha, uma mulher.. Etc. E em uma dessas festas um colega do papai com seus cerca de 46 anos grisalho e super charmoso que sempre me observava aproximou de mim quando ia ao banheiro e me deu um papel com seu número e dizendo: me ligue amanhã ou irei em seu colégio todos os dias até falar comigo. Beijos Luís.
Uau. Que direto e insistente. Claro que liguei achando que iria me divertir com o coroa tarado.
Ele disse que já não aguentava me ver com aquelas roupinhas provocantes e aquele sorrisinho sapeca e por isso tomou essa atitude. Fiquei sem ação nem tinha o que dizer.
Ele falou q podeira me buscar no colégio e poderíamos conversar melhor, depois disso ele me deixaria em paz se eu quisesse. Ele só queria conversar. Ta… Achei estranho mas topei.
No carro ele me perguntou se poderíamos ir até a casa dele, falei q tudo bem e ao chegar até o quarto um clima todo preparado… E ele já me oferece um suco. Tomei e começamos a conversar sobre coisas normais até q ele toma a iniciativa de comecar a me elogiar e me tocar.
Notei que ele estava um pouco diferente e mais atirado. Até q disse que não estava mais aguentando e me beijou. Tomei um susto e empurrei.
Ele pediu desculpas mas disse q estava querendo isso há muito tempo. E cada vez mais se aproximava de mim, sei lá, sabia o q ele queria e eu provocava os homens mas sempre saia de fininho. mas agora eu estava na casa de uma dele e depois fiquei confusa em estar lá.
Antes de qualquer reação ele vem pra cima de mim e me da outro beijo e dessa vez mais forte e segurando meus braços. Tentei reagir mas ele diz pra relaxar q ele sabe o q ta fazendo e eu vou gostar pq tenho cara de uma ninfeta safada.
Ainda segurando meus braços amarrou na cabeceira da cama. Fiquei apavorada. As pernas ele foi amarrando uma em cada ponta. E agora? Eu não tinha como fugir, ele era mais forte, experiente e eu estava amarrada.
Fiquei tonta e confusa. Foi tudo muito rápido quando vi estava já pelada e toda aberta na cama do colega do papai.
Quando vejo o Luis se aproxima eu perguntei o q estava acontecendo e ele disse pra eu relaxar q estava tudo bem, me deu um calmante q vai me relaxar, deixar com sono mas que vai cuidar muito bem de mim caso eu durma.
Enquanto falava ele jogou óleo no meu corpo e massageava cada parte. Nossa, isso dava uma sensação boa, por una minutos esqueci que estava amarrada. Ele foi alimentando e começou a passar a língua na minha xoxotinha pequena.
Ele estava respirando ofegando, acho q o tesão tomou conta. Ele sentiu o cheiro da minha buceta e se transformou num animal. Pulou as preliminares e tirou a roupa bem rápido, punhetou um pouco o pau olhando pra minha bucetinha vulnerável, deu mais uma.lambida e foi forçando entrar com o pau. Gritei de dor. O pau era grosso não tão grande mas ele meteu rápido e forte lá no fundo. Pedi pra parar me esperneei. Mas estava amarrada e sem forças. Ele só olhava e ofegava. E enquanto eu estava com o olhar de apavorada ele sentia prazer e socava.
Eu estava vendo tudo em câmera lenta. O calmante estava fazendo efeito. Então ele socava com mais força. Montou como um bicho em cima de mim e me fodia loucamente. Ele tirava o pau, lambia a buceta e metia de novo. Nesse momento eu já não sentia dor e sim um estranho prazer.
Ele me fodia muito, foram minutos longos. Eu ja estava entregue e gozei varias vezes. Ele Intercalava com umas chupadas nos seios na buceta e beijos na boca. Até que aumentou o ritmo.
Ele respirava mais forte, agarrou meus peitinhos e penetrava o mais fundo, quase me rasgando e entrando todo dentro de mim. Socou até que urrou e senti esquentar… Era seu gozo.
Um Leitinho que escorria nas minhas pernas. Muito Leitinho por sinal pois molhou mt a cama. Meu gozo molhou a cama tbm.
Ele me.soltou, desabou ao meu lado relaxado do gozo e eu tbm exausta.
Me beijou e disse que sou uma ninfetinha perfeita para os planos dele.
Se eu quiser posso ser a princesa dele.
Achei ele um louco, mas foi muito gostoso…
Em outros contos digo o que aconteceu….