Eu abusei da minha tia mas ela gostou

Click to this video!

Ola sou lucas e vou contar uma historia de eu e minha tia luciene, na época eu tinha 16 anos tudo começou quando fui morar na casa dela com minha mãe, eu comecei a sentir tesão nela pois era muito gostosa uma coroa de 42 anos ela trabalhava como personal trainer numa academia na parte da tarde, morena do cabelo liso, corpo do jeito que eu gosto uma gostosa de seios e bunda fartos, ela tinha uma bunda grande e dura, pouca barriga, eu simplesmente me imaginava comendo ela todos os dias, cheirava sua calcinha usada e gozava nela, entrava no banheiro enquanto ela tomava banho e me acabava na punheta…
Ate que outros parentes foram dividir a casa tbm, ai eu e minha tia começamos a dormir no mesmo quarto, ai meu primo dormia na cama de cima e eu num colchão no chão e minha tia num outro colchão no chão do meu lado, ela dormia com um vestido branco que mostrava um pouquinho da sua bundinha deliciosa, ela adorava dormir de lado ou de brucos, eu tinha medo de fazer qualquer coisa, ate que um dia decidir bater uma punheta perto dela, quando gozei espirrou um pouquinho na perna dela, limpei rapidamente com minha camisa e notei que ela nao estava dormindo, no outro dia eu meio com vergonha sem saber o que dizer, fui tomar cafe, ela perguntou se eu dormir bem, eu disse que sim relaxei bastante essa noite, ela riu e disse que ela tbm teve uma noite gostosa, eu comecei a desconfiar que ela tava notando as gozadas nas calcinhas sujas dela entao eu fui ficando mais ousado pra ver se ela tava notando mesmo meu tesão, uma noite comecei a passar a mao na bunda dela enquanto ela estava deitada de brucos, subi o vestido dela e fui chegando bem pertinho devagar encostei o pau na bunda dela e dei umas mechidinhas passei o dedo na buceta dela e estava meladinha, depois enfiei um dedinho de leve pra ver se ela tinha alguma reacao, depois abri a bunda dela com a mao e comecei a bater uma punheta com o pau na bunda dela, eu nao tinha coragem de meter nela, ai gozei no meio da bunda dela e deixei a calcinha desajeitada e ela com a bunda cheia de porra de proposito pra ver se ela ia brigar, no outro dia de manha ela nao falou nada, entao pensei num e que a vadia gostou, vi que ela me provocava toda hora arrumava um jeito de ficar em posicoes deliciosas onde eu via seu rabo gostoso balancando na minha frente e aquilo me deixava doido, estava de tarde depois dela fazer o servico de casa ela anunciou que iria tirar um cochilo, eu ja estava indo bater uma punheta pensando nela, quando eu estava indo pro banheiro vi ela deitada de rabo pra cima, nao ressisti fui la me punhetar enquanto apalpava a bunda da minha tia gostosa, fui tomando coragem e abrindo a polpa da sua bunda, como sua calcinha era bem fina eu encostava o pau na entrada da sua bucetinha, nossa era uma delicia eu estava quase gozando quando ela deu uma mechidinha, tirei rapidamente o pau da bunda dela, ai estava possuido e tive uma ideia de ver se ela realmente estava deixando e concordando com tudo que eu estava fazendo, sai de cima dela e fiquei em pe do lado dela, ai passei o pau na cara dela, passava bem devagar que sensacao deliciosa, eu via que as vezes ela abria os olhos levemente e eu passava bem nos labios dela, abri um pouco sua boquinha com minha mao e comecei a punhetar com a outra, vi que ela facilitava e abria de proposito, mais nao muito para parecer estar dormindo, gozei bem nos labios dela foi incrivel, depois passei o restinho de porra no resto da cara, deitei no colchao ao lado sem cueca de proposito, ai eu comecei a fingi que eu estava dormindo, deixei ela toda esporrada de proposito pra ver qual seria sua reacao, vi ela levantando e lavando o rosto, depois ela deitou denovo e ouvi gemidos, quando olhei ela se masturbava, fiquei duro logo, fui chegando perto e encostando o pau na bunda dela, quando ela notou, eu vi ela rebolando de levinho na minha encoxada enquanto se masturbava, logo quando eu tava quase gozando meu primo entrou no quarto e ela se afastou, agora eu tinha certeza que a titia era safada, eu estava ancioso para como seria a noite, ja estava pensando em passar a mao em sua bucetinha mais nao estava nem imaginando o que estava por vir, a noite chegou e eu estava louco, esperei uns 20 minutinhos depois que deitamos, fui chegando perto de vagarzinho, ela estava virada com o rabinho pra mim com o vestido branco lindo que ela dormia toda noite, adorava quando ela deitava de ladinho, quando fui colocar a mao na bunda dela, notei que a safada estava sem calcinha, logo meu pau ficou duro, fui passando a mao em seu corpo todo e comecei a apertar seu peitinho e fui ficando mais ousado, dei umas lambidas na sua bunda e abri com as maos passei a linguinha na portinha do cu e depois passei na bucetinha cabeludinha dela que tava encharcada, tinha um gostinho e um cheiro maravilhoso, eu ja estava louco de tesao, deitei encoxando o pau na bunda dela, fui abrindo devagarzinho e encostando, demorou para entrar porque a posicao estava dificil, quando senti sua buceta quente e molhada eu quasei desmaiei, comecei a bombar devagarzinho, quando fui aumentando a velocidade ouvi uns gemidinhos baixinhos que ela dava, fui ficando ousado e dei um tapa na sua bunda, e sussurrei em seu ouvido, vc gosta mesmo dormindo ne sua putinha, quando eu gozei, foi tao intenso que dei um gemido alto, deixei meu pau encoxado ainda com a cabecinha dentro eu sentia a porra escorrendo, e dormi daquele jeito, no meio da madrugada acordei e ainda estavamos na mesma posicao, comecei a meter denovo eu senti na hora q ela acordou e nao falou nada, continuei ate gozar novamente e ai tirei a cueca, enrolei eu e ela e deixei meu pau mole com a cabecinha dentro da entradinha de sua bucetinha, enquanto ela estava toda porrada, de manha ela levantou, tomamos cafe normal como se nada tivesse acontecido, eu ja estava certo que ela estava ciente e adorando das nossas fodas, uma sexta feira ela chegou extremamente bebada da balada, ela era tao puta que foi pra balada de vestido sem calcinha, quando ela deitou, ja fui logo encostando o pau na bunda dela, pra minha supresa ela tava com o cuzinho avermelhado e sujo de porra, a safada tinha dado, eu nem fiz firulla, comecei a meter na buceta dela, enquanto metia enfiava o dedo no cu dela que era arrombadinho e entrava com facilidade, tava bem quente a vadia da minha tia, tinha dado muito, logo meti no seu cuzinho notei que ela dava umas reboladinhas, ela gosta de dar mesmo, depois que eu gozei levantei pra beber agua, quando voltei a titia estava virada em outra posicao de barriga pra cima ai notei que ela estava sem sutia, comecei apertar seus peitos e os puxei pra fora fui logo chupando seus peitos, meu pau ficou duro comecei passar na sua cara e bati outra, demorei e quando gozei labusei seus peitos deliciosos, deixei ela naquela posicao, toda gozada, nao corria risco pois eu sempre tracava a porta e meu primo tomava remedio para dormir, ele ficava totalmente desmaiado, na manha do dia seguinte, eu depois do cafe fui puxar papo com minha tia, disse tia hoje a noite vamos ver um filme?
ela disse que sim, eu ja fiquei imaginando o que eu faria, porque alem de estar sendo magico comer ela toda noite, mesmo sabendo que ela estava acordada, eu queria mais, queria colocar ela pra mamar, ouvir ela gemer e a comer em outras posicoes, entao a noite chegou, fomos deitando e eu coloquei um filme, estavamos conversando, eu falei que o filme era bom e fui encoxando ela, continuava conversando pra ver sua reacao, ela fingia que nada acontecia, comecei a passar a mao em sua bunda e tocar sua buceta, afastei a calcinha pro lado e meti um dedo, ai perguntei, ta bom o filme tia?
ela disse: fica queto e se concentra no filme
ai eu encostei o pau na portinha da buceta, ela facilitava e dava umas reboladinhas, ai eu falei esse e o melhor filme que eu ja vi…
ai ela disse: ta gostando ne? hoje vc pode gozar na minha cara comigo acordada seu safado, comecei a meter nela, eu estava nas nuvens realizei meu sonho de ouvi ela gemendo e pedindo mais, coloquei ela de quatro e falei eu ja comi seu cu quando vc estava bebada, ela disse: eu lembro, olha que eu ja tinha dado pra dois naquela noite, mais so vc me fez gozar, aquilo me deixou com mais tesao, minha tia e uma vadia de primeira, quando coloquei no seu cuzinho ela gemeu e eu meti com toda forca, ela era tao arrombada que nem sentia dor, ela se masturbava e gemia alto, eu gozei, no cuzinho dela, notei que ela nao tinha gozado deitei ela na cama e comecei a masturbar e chupar sua bucetinha, quando lambi com bastante velocidade ela gozou na minha boca, a eu estava tendo a melhor foda da minha vida, toda noite era um sexo selvagem e delicioso, no outro dia de manha ela lavando vasilha com um vestinhdo curto e sem calcinha, eu cheguei de fininho por tras com o pau duro, quando ela menos esperava eu posicionei meu pau em direcao ao seu cuzinho, agarrei sua bunda rapidamente, abri e puxei com toda forca, ela deu um grito e disse seu safado, pra que isso tudo?
eu respondi queria ver vc gemer alto, e continuei metendo, depois ela abaixou e fez um belo boquete, eu ja estava quase gozando quando sentei no sofa e ela sentou em cima do meu cacete e comecou a cavalgar segurei o maximo que pude, ate gozar nela, ai ela disse, agora queta e espera ate de noite, a titia tem muito trabalho pra fazer, logo meu primo voltava da escola tbm, naquela noite, tive uma experiencia muito boa, estava comendo ela de quatro quando virei ela de frente e comecei a chupar ela gozou espirrando um jato quentinho era tanto que parecia ate xixi mais tinha um gostinho diferente, ela gritou muito quase desmaiou, ai dormi bem encoxadinho na bundinha dela, eu adorava mete enquanto ela ainda dormia, pois me lembrava as primeiras vezes que transamos e ela fingia dormir…
hoje tenho 22 anos e ultima vez que comi ela foi a 3 meses atras, ela casou de novo faz 1 ano…
o corno toma muito chifre pois ela parece ter 25 anos, ele e bem velho e rico, ela e tao vadia que ja foi me da no outro quarto enquanto o marido dela dormia, eu lembro que ela pedia pra eu gozar na cara dela e ela metia um vibrador no cu enquanot eu comia sua buceta, acho que minha tia e uma das mulheres mais safadas que ja comi, a vagabunda e viciada em sexo, ela sai direto pras baladas ela adora dar para um novinho, as vezes ela me conta suas aventuras ela disse que ja deu pra 5 caras de uma vez, e ja deu pro meu primo junior uma vez, a safadeza dela nao tem limites, agora infelizmente moramos longe, mais mal posso esperar para nos encontramos de novo, ainda bato uma punheta pensando nela ou as vezes como minha namorada pensando nela, por incrivel que pareca a buceta dela e mais quente e mais molhada que qualquer outra que ja comi, ela realmente ama sexo, seu cu arrombado e vermelho quente que pulsava no meu pau, so de lembrar fico com pau duro, enfim essa foi minha historia com vagabunda gostosa da minha tia.