Como transar com cachorros

Click to this video!

Esses dias achei um artigo num estes sites americanos, onde uma dona chamada Nevyn aconselha mulheres como ter sexo com cachorros. Traduzi e deu mais ou menos o texto abaixo. Achei curioso e ousado da parte deles manter esses relatos. Eis o artigo: Sexo com Cachorros por Nevyn Algumas pessoas conversaram comigo pelo correio privado e pediam conselhos em como ter sexo com animais. Eu gostaria de destacar alguns itens para as novatas. Nos concentremos em cachorros para este artigo. Como eles são o animal de minha preferência, e também penso que eles são o animal que a maioria tenha fácil acesso.
Note também que quando eu me refiro a cachorros, eu quero me referir a qualquer raça Labrador ou maior. Em minha mente, qualquer coisa menor que um Labrador realmente não é um cachorro. Se eu me refiro a um cão gigante, estou falando na categoria de Mastim inglês, Grande dinamarquês, o São Bernardo, Cão de caça irlandês, Newfoundland, etc. Estes são realmente cachorros! A primeira regra que salta a minha mente é: o animal tem QUE ESTAR CONSENTINDO!!! Se o animal está desfrutando de sexo com você, o sexo é melhor. Se o animal não está desfrutando isto, você está cometendo estupro. Se você tem que forçar o animal para isso, páre! Eu espero que a maioria de nós concorda que nós somos amantes de animais, compartilhando sexo com nossos sócios animais como uma forma de prazer. Cachorros são o maior “brinquedo de sexo”, para homens e mulheres. Eles SEMPRE estão dispostos, e ficam realmente entusiásticos para o sexo. Eles amadurecerão sexualmente de 8 a 10 meses idade.
Com cadelas, evite atividade sexual antes dessa idade. Explore o genitalia deles/delas e eles se acostumarão com tudo. Explorando o sexo dos cães. Os testículos dos cães quase que são inexistentes até os 3 meses idade. Um pênis de cachorro fica escondido principalmente na envoltura, assim, puxe a envoltura dele para trás, expondo o pau. Precaução: não exponha um pênis de cachorro novo para fora por muito tempo. A carne rósea é MUITO sensível e pode secar. Isto é extremamente doloroso para o cachorro. Se você for fazer isso, lubrifique com suavidade com quantidades generosas de geléia de KY, ou qualquer lubrificante seguro para sexo, e cuidadosamente puxe a envoltura para trás, expondo devagar o pênis. Um pênis de cachorro é muito diferente de um pênis humano na forma.
Comparando, eu darei dimensões para Hamlet (meu Grande dinamarquês). Quando o cachorro é sexualmente adulto, o pênis é afilado, com um pequeno furinho na ponta. A “vela” se alarga nitidamente a um diâmetro de aproximadamente 4 polegadas por muito tempo. Atrás, um naco de carne de quase 3 polegadas em diâmetro. É o nó do pau dele. Depois de duro acresce uma polegada adicional e, agora respire fundo: tudo isso junto dá mais de 20 cm de pau de cachorro! Masturbação. Fique nua. Acaricie seu cachorro por toda parte, ao redor das ancas dele, e em volta das bolas dele. Quando você e ele estão prontos, ajoelhe ao lado dele. Com sua mão esquerda continue acariciando e arranhando a cabeça dele, dorso e tórax. Alcance sua mão direita embaixo da barriga, entre suas pernas traseiras. Comece acariciando a envoltura do pau, então segure firme (com sua mão direita, se você é destra), e puxe tudo para trás ao longo de seu pau. Quando o pau começa a inchar, sinta os contornos do “nó” dentro da envoltura, com seus dedos abrindo e fechando.
Não toque a carne sensível nesta fase, ou o cão não desfrutará isto. Ele começará a encurvar os quadris. Enquanto o nó dele estiver coberto pela envoltura, você pode apertar. E ao sentir que começa a endurecer puxe bastante forte; aumentará o intensidade do orgasmo dele. Fazendo desta maneira, logo logo ele estará esguichando fora sua porra. Mantenha o punho fechado ao redor do nó dele, e ondule seus dedos. Aperfeiçoe a técnica pois seu cachorro vai gostar. Enquando estiver gozando, provavelmente ele vai lamber seu próprio pau. Eles gostam do gosto da própria porra e do contato da língua deles no próprio pau. Todo cachorro faz isso. Neste momento, você pode prolongar o prazer dele e aumentar o seu, beliscando a ponta do pau dele ligeiramente com o dedos de sua mão esquerda.
Mantenha sua outra mão apertada ao redor da envoltura. Você será recompensada com um chuvisco de porra. Particularmente, nesta fase, eu lambo freqüentemente a ponta do seu pau com minha língua, ou chupadas perpendiculares ao longo do pau, e engulo a porra dele. NÃO USE OS DENTES!!! Não faça nem sequer um toque na carne sensível com seus dentes! Não tenha nenhum medo de engolir a porra de cachorro. É ligeiramente salgada (como a porra dos homens) e desce pela garganta mais fácil que a porra humana. Altamente recomendada. A foda. Meninas, cachorros amam montar as pessoas, e eles são amantes apaixonados. Primeiramente, fique nua. Depois brinque com seu cachorro, e deixe-o excitado e desperto. Deixe o cão lamber sua vagina, pois vai ser um grande estímulo para ambos. No estilo
missionário, sente-se na extremidade da cama, pés no chão. Agora bata levemente seus ombros e convide seu cachorro a por suas patas lá em cima. Quando ele fizer isso, deite para trás, erga sua perna esquerda e a coloque em cima da anca dele, puxando em sua direção. Com sua mão direita guie o pênis dele para sua vagina. É mais fácil para o cachorro se você manter seus dedos apertando a envoltura dele como um guia quando ele começa a curvar-se sobre você. Precaução: se seu cachorro é um das raças gigantes terá que ter mais cuidado. Quando cachorros estão acasalando, o “nó” no base do pênis deles incha dentro da cadela, e eles ficam acoplados durante mais ou menos meia hora.
Quando isso acontece é quase que impossível separá-los. A natureza age desta maneira para auxiliar e aumentar a chance da cadela engravidar/impregnar. Se você se acoplar com uma raça gigante e isto acontecer, você terá que suportar um inchaço da carne do nó tão grande quanto uma bola de tênis. Se não tiver experiência suficiente poderá ter que passar um vexame na clínica mais próxima. Isso é sério! Se ele penetrar você até o “nó”, este incha dentro de você, e você não for capaz de o acomodar, ficará em dor extrema, até por uma hora. Se você está insegura, se não sabe se pode suportá-lo por inteiro (o pau mais o nó), pratique antes. Compre uma dessas picas de borracha de semelhantes dimensões com o pau do seu cachorro de raça gigante e pratique. Quando isto ficar natural e aprazível, por todos os meios, tente de verdade com seu cachorro. “Ficar amarrada” com seu cão gigante é altamente erótico, e muito compensador. Ele vai esporrar dentro de você, e isso é bastante erótico, e você não pode ficar grávida de um cachorro.
Tente, e boa sorte!
Dog style. Deixar seu cachorro montar você na posição “cachorrinho” é totalmente natural para o cachorro, e também satisfatório para você. Primeiramente brinque com ele, deixe-o excitado (ver os mesmos procedimentos acima), e então se encurve. Para raças menores (Pastor alemão, Labrador, etc) você provavelmente terá ajoelhar. Bata levemente na sua bunda, convidando-o a montar. Coloque as patas dele em seu quadril e encline sua cabeça para baixo. Provavelmente você será arranhada nas pernas pelas unhas do cachorro. Se quiser, pode por meias em suas patas, fixadas com fita adesiva e evitar esses arranhões. Oh bem, há pouco disse que os cães são amantes apaixonados! Novamente, alcance sua envoltura e guie o pau dele com sua mão. Ele curvará bastante entusiasticamente, assim precisará de alguma direção, e restrição. Se ele ficar “amarrado” a você, ele pode querer
cair fora, e se vira, assim você ficara de bunda com bunda ligada a ele. Isto é natural, quando eles acasalam normalmente com cadelas.
Sexo anal com cães. Tenham cuidado!
A primeira vez em que eu me “amarrei” com meu primeiro cão gigante (um Newfie chamado Stan) eu não pude acomodar o enorme “nó” dele no ânus e ele me rasgou. Tive hemorragia retal durante uma semana. Não diga depois que eu não a adverti. Atarraxando seu ânus no cachorro. Meu cão Hamlet parece gostar mais de sexo anal comigo, mas tolera até quando está gozando. De fato isto parece intensificar o orgasmo dele se eu o atarraxo na fase final do
orgasmo.
Em minha experiência, todos os cachorros observo que eles gostam de se limpar ou lamber seu próprio gozo. Deixe que ele a “limpe” também. O contato de sua língua no seu sexo vai completar a relação. Eles têm línguas muito suaves, e são muito cuidadosos e gentis. Você estará negando ao seu cachorro uma grande porção de prazer se você não lhe deixar fazer isso. Experimente e se divirta. Gaste algum tempo durante as preliminares com seu cão. Afague, abrace. Se você possui um cachorro, e não tem sexo com ele, pense nisso: cachorros amam sexo. Eles desfrutam as sensações do orgasmo, e a menos que você lhes ajude a alcançar isto, eles não podem alcançar o orgasmo sozinhos (se não tiver uma cadela). Pense em como você ficaria frustrada se não pudesse ao menos se masturbar se estivesse com tesão.
Se você ama seu cachorro, você deveria estender seu sexo para ele. Eu não lhe estou pedindo que se empenhe numa odisséia sexual com seu cachorro (o que é muito divertido), mas pelo menos você poderia masturbá-lo de vez em quando para o aliviar. Não é insalubre, não ficará doente, é nem mesmo o perverteu, (criadores de animais fazem isto para viver). É amor.