Tive que pagar a aposta

Click to this video!

Me chamo Aline tenho atualmente 19 anos, sou loira, cabelos bem claros, tenho exatos 1,64 e peso 56 kg, tenho peitos grandes e uma bunda durinha bem redonda, sou descrita pelos meus amigos como ninfeta, embora eu não me veja assim… Sempre morei no Brasil, pelo menos, até meus 16 anos, onde depois meus pais decidiram se mudar para Argentina, especificamente na cidade de Rosário, há procura de um emprego melhor, enfim, acabei me acustumando fácil, as ruas eram bonitas e aparentemente seguras, tinha feito vários amigos e amigas, mas como melhores amigos, Guilherme, 21 anos, 1,80, ruivo, seu corpo era bem definido e Fred, 25 anos, 1,92, cabelos pretos e bem magro. Guilherme diferente de Fred é brasileiro, porem ambos falam português, estou certa de que Guilherme ensinou a ele, até porque se conhecem a muito mais tempo do que os conheço… Andando junto com eles, me sinto uma anã, até porque sou mesmo perto deles, rsrsrs…
Eu ja havia perdido a virgindade tanto anal quanto vaginal, na véspera dos meu 18 anos com um namorado e depois vaginal com um amigo aos 18… Atualmente estava solteira, sei lá, afim de ficar sozinha, só com os amigos mesmo…
Fred e Guilherme, costumavam a jogar xadrez, cartas, vídeogames, futebol, vôlei e sempre me puxavam junto, eu era mestra mesmo em Xadrez e combinamos de jogar nesta semana, fui eu e o Fred na casa do Guilherme, como sempre… Eles ficaram insistindo em fazer aposta, eu nem queria saber falei que apostava qualquer coisa e eles apostaram 24 pesos argentinos, R$10,00 no Brasil. Durante o jogo, percebi que Guilherme e Fred ( jogavam em um unico time ) estavam mais concentrados do que nas outras vezes, o jogo estava indo bem, mas acho que fiz um movimento errado e eles aproveitaram e pela primeira vez eles ganharam, eu dei meus parabéns e disse que eu tinha que sair, mas Guilherme se levantou e chegou na porta e a trancou, fiquei confusa, Fred então disse:
– Nossa aposta, hermosa ( era como ele costumava a me chamar ).
– Ahh, era serio mesmo?
– Sim e é melhor pagar… Disse Guilherme com um sorriso malicioso
– Mas… o que seria a aposta? Perguntei
– Você! Disseram os dois dando um leve sorriso.
Fiquei meio apavorada nesse momento, cheguei a perguntar se era brincadeira, mas disseram que não e então Fred me puxou para o quarto de Guilherme, era uma cama de casal grande, ele me jogou e depois veio Guilherme. Ficamos revezando beijos por um bom tempo, Fred me beijava enquanto Guilherme mamava meus peitos ou Guilherme me beijava enquanto Fred apertava meus peitos que já estavam com bicos duros, até ai, nunca tinha visto o pau deles, eles eram apressados, puxavam me jeans e arrancaram minha calça, revelando minha buceta um pouco molhada, Guilherme a chupava enquanto Fred fazia o mesmo com o cu, um dedo, depois dois… Até que Fred, se afastou e abaixou as calças, puxei sua cueca e encontrei sua ferramenta, nossa, era bem grande, não muito grosso, mas grande, aparentava ter uns 23Cm, eu lambia com gosto o pau daquele Argentino altão enquanto Guilherme se aproveitava da minha buceta e ficou nisso por um tempo, o pau de Guilherme é o contrario, pequeno mas grosso, eles disseram que iam fuder de vez comigo, que já estavam mais do que malucos pra arrombar a sua ninfetinha, e eu morrendo de tesão, fazia um tempo já que não transava e transar com dois sempre pareçeu bem legal, me colocaram de quatro, Guilherme me beijava e fala coisas safadas no meu ouvido e Fred colocava a cabeça do seu no meu cuzinho, entrou facilmente já que estava bem lubrificado, eu queria gemer mais, so que com Guilherme me beijando não dava, depois a posição trocou, fique de barriga pra cima e as pernas levantadas enquanto Guilherme arrombava minha buceta, devido a grossura do seu pau doia um pouco, mas meu tesão dominava, eu gemia bastante, até que os dois decidiram meter, me ajustei no colo de Guilherme, ele estava deitado e eu em cima dele, na ponta da cama, Fred ficou meio abaixado arrumando a posição, até que meteu, era uma misto de dor e tesão, só sei que eu cavalgava e gemia que nen louca, estava fora de mim, nunca havia sentido tanto tesão, 5 minutos nessa posição decidimos trocar, agora era Guilherme quem arrombava meu cu, ele me metia forte, já Fred rápido, ficou ali naquele geme geme e cama mexendo, já mais pensei que iria gostar tanto de transar como eles dois, logo gozei, gozei bastante e continuava gemendo, em seguida foi Guilherme, ele gozou tudo no meu cu, acho que nen deu tempo dele tirar o pau, depois Fred pediu para eu ficar sentada, eu sai de cima dele e me sentei na cara de Guilherme que chupava minha buceta, bati uma punheta pra Fred e ele gozou tanto quanto Guilherme, eu chupava tudinho como se fosse um bebezinho chupando mamadeira, tomamos um banho depois disso, e a noite todos voltamos pra casa.
Nós continuavamos saindo, mas agora, havia uma coisa extra na nossa lista… rsrsrsrs